Porcas Borboletas
Foto por Juka Tavares
 

Os mineiros da banda Porcas Borboletas comemoram os 18 anos de estrada com o lançamento de seu quarto disco, Momento Íntimo. Composto por dez faixas, o disco enfatiza a censura das relações atuais e assuntos existencialistas, com questionamentos em um tom humorístico.

O grupo conta com a produção de Gustavo Ruiz, vencedor do Grammy Latino com a produção de Dancê, disco mais recente da cantora Tulipa Ruiz, que faz participação em Momento Íntimo. A cantora Juliana Perdigão e o percussionista e cantor Nereu também fazem presença no disco. Ouça na íntegra:

Velhos de Guerra

Velho de Guerra
Foto: Divulgação

A banda Velhos de Guerra, do Rio Grande do Sul, divulgou seu primeiro disco, também intitulado Velhos de Guerra. O álbum é composto por 10 faixas carregadas de letras objetivas com arranjos vocais variados e uma sonoridade bruta.

O disco foi idealizado pelo vocalista Gildo Naibo, que compôs e gravou a maioria dos instrumentos. O disco teve produção de Rodrigo Marcon e mistura um folk com o grunge e o tradicionalismo gaúcho. Ouça o disco:

A Outra Banda da Lua

A Outra Banda da Lua
Foto: Divulgação

A Outra Banda da Lua, mineira de Montes Claros, lança seu single “Serra do Mel”.  Com mensagem clara de conscientização ambiental, a música foi escrita no instante em que a serra sofria ameaças de desmatamento, em 2016, e o que antes era um grito de alerta, tornou-se comemoração.

Formada por Edson Lima (voz e guitarra), Marina Sena (voz), Mateus Sizilio (bateria), Matheus Bragança (baixo) e Manga (teclado), a banda traz influências da Tropicália em uma sonoridade singular. Veja o videoclipe:

Daniel Villares

Daniel Villares
Foto: Divulgação

O cantor carioca Daniel Villares lançou seu primeiro trabalho, Catavento. O disco simboliza autoconhecimento e aceitação através de uma sonoridade simples e letras instigantes nas dez faixas.

Com participações das cantoras Clarice Falcão Aline Lessa, o disco tem masterização, produção e mixagem de Elísio Freitas, co-produção de Gus Levy e arte de Letícia Miranda. Ouça: