The Smiths
 

Finalmente temos notícias sobre a reunião do The Smiths! Pena que elas estão um pouco atrasadas.

O sempre ótimo Johnny Marr, guitarrista do extinto grupo, revelou em sua nova autobiografia que a volta à ativa da banda quase aconteceu em 2008, e foi seriamente considerada durante quatro dias. Pois é.

Segundo o cara, ele se reuniu com Morrissey para discutir a remasterização do catálogo dos Smiths quando o assunto veio à tona. Leia um trecho do livro Set the Boy Free:

As bebidas não paravam de chegar e nós nos sentamos para conversar por horas. Batemos um papo, como sempre fizemos, sobre os discos que nós amamos e, eventualmente, tocamos ‘naquele assunto’. Houveram rumores durante anos que os Smiths estavam prestes a se reunir, e eles sempre foram falsos. Eu nunca tinha ido atrás de qualquer oferta.

De repente, nós estávamos falando sobre a possibilidade da banda se reunir, e naquele momento parecia que, com as intenções corretas, poderia realmente ser feito e poderia ser maravilhoso. Eu ainda trabalharia com o The Cribs no nosso álbum, e Morrissey também tinha um álbum para lançar. Ficamos lá por mais algum tempo, e depois de muito suco de laranja (para mim) e muita cerveja (para ele) nos abraçamos e nos despedimos. […] Durante quatro dias, foi uma perspectiva muito real.

Apesar da conversa parecer bem promissora, Marr continuou dizendo que, no fim das contas, os dois perderam contato, e “as coisas voltaram a ser como eram e como eu espero que sempre serão.”

Ainda em seu livro, que será lançado no dia 3 de Novembro, o guitarrista revelou que acha uma pena que o clima de desafeto entre os dois se mantenha.

É uma pena mesmo…

 
FonteCoS
Compartilhar