Bian levanta bandeira da representatividade lésbica em novo clipe
 

Cansada de não ver representatividade lésbica na música pop, Bian foi lá e fez ela mesma. No clipe de seu novo single, “Move On”, a cantora mostra a relação de amor entre duas garotas.

A artista carioca explicou que o vídeo é mais do que um clipe sobre causa gay:

É uma história de amor, com duas meninas vivendo a sua sexualidade de maneira empoderada. O lyric clipe não conta uma história, quis mostrar apenas duas meninas vivendo sua sexualidade de forma natural, mas também fiz questão de que não fosse algo hipersexualizado, pelo contrário, é lúdico, bonito. Uma história de amor. Nós, lésbicas, temos poucas visibilidade e representatividade, é importante fazer clipes que ajudem a mudar isso.

O clipe foi dirigido pela dupla Neno e Fábio Santos, que já trabalhou com Bian em “Hands”.

O álbum de estreia da cantora está sendo gravado nos estúdios da Gomus, na Gávea, no Rio de Janeiro e deve ficar pronto até o fim do ano. Todos os singles do disco, que serão lançados mensalmente, estão disponíveis para download gratuito na landpage.

 
Compartilhar