Pedro Pastoriz - Projeção
 

A gente já o conhece das calçadas, das ruas e dos vocais e guitarra do Mustache e os Apaches. Mas que tal conhecer o Pedro Pastoriz projetado em si mesmo? E quem diria que a inspiração para um novo projeto viria do simples ato falho de ter uma recaída, depois de 8 meses sem cigarros?

A vida tem dessas surpresas. E diferente do cômico cheio de ritmos regionais do Mustache e os Apaches, aqui a gente vê Pastoriz mais intimista, mais centrado, apesar de igualmente inquieto. Projeções, nome do primeiro disco desse trabalho solo, que será lançado ainda esse ano, terá esse tom inquietante e direto, observador e presente.

Tudo começou nessa vibe meio violenta, meio nervosa, estava mais ou menos há oito meses sem fumar. Nesse período eu virei outra pessoa. Estava há muito tempo sem compor uma música, confuso por tanta ansiedade gerada pela abstinência de cigarros. Um dia comprei um maço e, na mesma tarde, compus ‘Projeção’. Ela não nasceu pra ser faixa título do disco, mas me interessei muito pelo tema, no singular ou no plural, essa coisa de tu te projetar em coisas e em pessoas.

A banda é formada por Pedro Pastoriz, André Vac (Charlie e os Marretas / Grand Bazaar) nas guitarras, Arthur Decloedt no contrabaixo e Tim Bernardes (O Terno) na bateria.

No mínimo, um projeto bem interessante de ser ver e de se ouvir. O vídeo abaixo, que você vê primeiro no TMDQA!, lança o single e mostra os 4 garotos trabalhando de fato, num projeto editado e dirigido por Caio Amaral Falcão com o Selo Risco.

Dá o play e conta pra gente o que achou?