Dream Theater desembarca no Brasil para turnê grandiosa

Shows monumentais em formato de auditório ainda têm ingressos disponíveis

Dream Theater desembarca no Brasil para turnê grandiosa
   

Grandiloquente como nunca, o Dream Theater chega ao Brasil para uma série de shows nesta semana onde apresentará na íntegra seu novo álbum, The Astonishing, lançado no primeiro mês de 2016.

O espetáculo, previsto para ter mais de 3 horas, será em formato de auditório, com assentos para todo o público. Com estrutura nunca antes vista em outras apresentações da banda, cada exibição promete uma experiência imersiva e única (no clipe ao fim da postagem dá pra se ter uma ideia do que esperar).

Ainda há ingressos disponíveis para todas as datas, mesmo que as entradas para alguns setores já se encontrem esgotadas. Veja abaixo como conseguir o seu:

Belo Horizonte (Teatro Minas Centro, 21/06):
Ponto de venda na loja Túnel do Rock BH ou online (clique aqui). Ingressos variam de R$230 e R$800. Mais informações na página do evento no Facebook.

São Paulo (Espaço das Américas, 22/06):
Ponto de venda na bilheteria do Espaço das Américas ou online (clique aqui). Ingressos variam de R$175 e R$550. Mais informações na página do evento no Facebook.

Rio de Janeiro (Vivo Rio, 23/06):
Ponto de venda na bilheteria do Vivo Rio ou online (clique aqui). Ingressos variam entre R$100 e R$540. Mais informações na página do evento no Facebook.

Curitiba (Ópera de Arame, 25/06):
Ponto de venda na loja Dr Rock ou online (clique aqui). Ingressos variam entre R$200 e R$300. Mais informações na página do evento no Facebook.

Depois dos shows no Brasil, o Dream Theater continuará excursionando pela América Latina passando por Argentina, Chile e México.

O disco duplo The Astonishing, produzido pelo guitarrista do grupo John Petrucci, é o segundo registro conceitual da banda e também teve história escrita pelo cara. Entre as inspirações para a criação do trabalho estão obras contemporâneas de fantasia e ficção científica como Star Wars e Game of Thrones.

O álbum integrou nossa lista de discos que você deveria ouvir em Janeiro.

   
 

Comentários