City And Colour no Rio de Janeiro
   

Por Gabriel von Borell

Fotos por Fabrício Mainenti

Divulgando seu mais recente disco, If I Should Go Before You (2015), o músico canadense Dallas Green se apresentou no Circo Voador, no Rio de Janeiro, na última sexta-feira (29), encantando a plateia da Cidade Maravilhosa que pôde conferir mais um show do City and Colour em intervalo de pouco mais de um ano.

Sem abertura, a noite começou cedo, diferentemente do que costuma acontecer nas tradicionais casas de show da Lapa, zona da boemia carioca. Por volta de 22h30, Dallas subiu ao palco acompanhado de Jack Lawrence (baixo), Dante Schwebel (guitarra), Doug MacGregor (bateria) e Matt Kelly (guitarra), mesma banda que o acompanhou na turnê que passou em 2015 pelo Sacadura 154, na Gamboa. As duas apresentações se concretizaram em parceria com o site de financiamento coletivo Queremos.

Para abrir seu show, enquanto o público se ajustava para pegar um bom lugar em frente ao palco, o cantor escolheu “Woman” e “Northern Blues”, as duas primeiras faixas do novo álbum. Na sequência, Dallas tocou “Two Coins”, do disco The hurry and the harm (2013), a homônima “If I Should Go Before You”, e “Killing Time”, também presente no trabalho mais recente do City and Colour.

Enquanto os fãs davam pequenos gritinhos e prestavam reverências ao cantor, o show seguiu com “Hello, I’m in Delaware”, do disco de estreia Sometimes (2004), “Wasted Love” e “Lover Come Back”, último single do atual álbum do projeto paralelo que virou principal do integrante do Alexisonfire. Depois de “Waiting” e “We Found Each Other in the Dark”, do Little Hell (2011), Dallas fechou a primeira parte da apresentação com “Sleeping Sickness”, “The Grand Optimist” e “As Much As I Ever Could”.

Na volta para o bis, o músico surgiu sozinho e cantou as faixas “Day Old Hate” e “Body in a Box” apenas em voz e violão, para suspiros da plateia. Ainda em estado de pura contemplação, os fãs viram a banda novamente adentrar o palco para se juntar a Dallas na execução das últimas duas canções do repertório. Foram elas “The Girl” e “Hope For Now”, encerrando o show por volta de 00h15.

Em seguida, Dallas Green deixou o palco sem cerimônias e o público no minuto seguinte já parecia sentir sua falta. Ainda bem que as visitas do cantor ao Brasil estão se tornando cada vez mais frequentes. É só aguardar.

Setlist:

1. “Woman”

2. “Northern Blues”

3. “Two Coins”

4. “If I Should Go Before You”

5. “Killing Time”

6. “Hello, I’m in Delaware”

7. “Wasted Love”

8. “Lover Come Back”

9. “Waiting”

10. “We Found Each Other in the Dark”

11. “Sleeping Sickness”

12. “The Grand Optimist”

13. “As Much as I Ever Could”

Bis:

14. “Day Old Hate”

15. “Body In A Box”

16. “The Girl”

17. “Hope For Now”

Entrevista com Dallas Green

Aproveitando a passagem do músico por aqui, o TMDQA! bateu um papo rápido com Dallas Green e você pode ler a conversa nesse link.