O frontman da banda Passion Pit, Michael Angelakos, revelou nesta semana que é gay.

Durante entrevista em podcast, Angelakos falou francamente sobre sua sexualidade e as dificuldades que teve em se aceitar homossexual, ainda mais após um casamento hétero. Michael se casou em 2013 com Kristy Mucci, e o relacionamento chegou ao fim em Agosto deste ano. “Eu queria tanto ser heterossexual, porque eu a amo demais. Acho que isso foi uma das coisas mais dolorosas quando decidimos nos separar,” ele disse.

O vocalista do Passion Pit também comentou sobre sua doença mental, a bipolaridade, e como revelar aspectos da sua vida pessoal pode tirar o foco de seu trabalho.

Publicamente, eu assumi ser bipolar e todo mundo ficou, ‘Ohhh aquele cara é louco.’ E isso ofuscou muito o meu trabalho. Se eu me assumir, o que é que vão fazer? Como posso diminuir o impacto disso? Mas, então, eu parei de me importar! Eu não me importo mais. Eu gosto de meninas, eu gosto de meninos, todo mundo é fantástico, mas você quer saber da real? Eu sou gay. Finalmente.

Fonte: Stereogum