Ouça playlist com clássicos do Rock!  

Os últimos anos não foram nada fáceis para Malcolm Young, um dos membros fundamentais para o AC/DC que foi obrigado a ficar de fora do mais recente disco da banda devido a um sério problema de saúde.

Recebendo tratamento por demência, o guitarrista e compositor não pôde participar das sessões de Rock Or Bust e, ao que tudo indica, já vinha sofrendo com problemas de saúde há algum tempo.

De acordo com a revista Q, o músico foi diagnosticado com câncer no pulmão depois da turnê de divulgação do disco Black Ice (2008), mas o tumor foi identificado cedo e a cirurgia para removê-lo foi um sucesso.

Depois, ele foi obrigado a colocar um marca-passo no coração devido a uma condição cardíaca, e o vocalista Brian Johnson revelou que ficou sabendo através de uma piada de Young:

Foi típico do Malcolm – ele pegou a minha mão e bateu no peito repetidamente. Aí disse, “Marca-passo. Bom pra caralho, cara.” Foi como se ele estivesse me mostrando um novo pedal de efeito ou algo do tipo.

 

A matéria ainda fala sobre como seu irmão, Angus Young, se viu diante de um dilema, já que tinha ideias para novas músicas mas não sabia se continuaria com a banda sem Malcolm. Ele teria pedido conselhos para o outro irmão, George, e acabou decidindo por seguir em frente.

Você pode ler trechos da matéria, via Blabbermouth, clicando aqui.