bruce-springsteen-dave-grohl-creedence

Como todo mundo sabe, os Estados Unidos são um país extremamente ligado às questões militares, muito porque envia suas tropas para diversas partes do mundo em ações amplamente debatidas.

Como país militar, eles têm no seu calendário o “Veteran’s Day”, um dia onde a ideia é homenagear os veteranos de guerra que lutaram pelo país em suas incursões.

Esse ano a HBO transmitiu ao vivo um show chamado “Concert For Valor”, que fez parte das homenagens aos veteranos e teve nomes como Bruce Springsteen, The Black Keys, Rihanna, Metallica, Eminem e Dave Grohl.

O líder do Foo Fighters se uniu ao “The Boss” e também a Zac Brown Band para uma performance de “Fortunate Son”, um dos tantos clássicos do Creedence Clearwater Revival, só que a performance acabou causando polêmica.

O site Weekly Standard, conservador, questionou por que os artistas estavam tocando uma música que é contra as guerras (e para eles, por consequência, contra o exército) em um evento cujo objetivo é homenagear as tropas.

Por outro lado, o Washington Post defendeu a música dizendo que ela foi escrita há 50 anos como resposta à maneira como a Casa Branca lidou com outra guerra.

Recentemente, inclusive, John Fogerty do Creedence tocou a mesma música em um evento da Casa Branca.

Assista a vídeos da performance gravados por fãs logo abaixo.

Fonte: CoS