paul-mccartney

Todo mundo aquecendo a garganta e preparando o coração para os shows do ex-beatle Paul McCartney aqui no Brasil, certo? Para deixar essa expectativa ainda mais forte, a gente separou algumas “surpresinhas” que o público terá nos shows de São Paulo, além de algumas exigências de Paul para o camarim e sua banda. Confira:

Exigências de Paul McCartney

Paul McCartney não é o tipo de músico conhecido por pedir coisas absurdas para seu camarim. Ainda assim, algumas das exigências do músico são, no mínimo, curiosas. Confira:

  • Seis vasos de plantas altas com muitas folhas;
  • Seis vasos de plantas mais baixas;
  • Oitenta gérberas coloridas, divididas em oito arranjos de dez flores cada;
  • Vinte dúzias de toalhas (isso mesmo, 240 toalhas para ele e para o resto da banda).

Amante da natureza esse Paul, né não?

Estrutura do show em São Paulo

Allianz-Parque-Paul-McCartney

O show de Paul McCartney em São Paulo também celebrará a inauguração do Allianz Parque, estádio do Palmeiras que também será palco de grandes shows nacionais e internacionais. O local vai receber o material de montagem do show em 42 carretas, carregadas de equipamentos. Só a estrutura metálica do palco pesa 150 toneladas! Enquanto você lê esse post, cerca de 280 profissionais brasileiros já estão trabalhando na organização, montagem e produção do show. Na semana da apresentação, os 40 técnicos do time do Paul vão chegar pra reforçar essa equipe. A estrutura contará com 150 caixas de som com potência de 200 mil watt e dois telões de alta definição nas laterais do palco, entre outros detalhes.

Pra você que vai ficar perto do palco, uma novidade: são 70 metros de largura e, do chão, o ponto mais alto chega a 26 metros de altura (não vai dar pra tocar os pés do músico!). Em dado momento da apresentação, Sir Paul McCartney vai “voar”. O baixista mais famoso do mundo vai ser elevado do palco junto com dois outros músicos a uma altura de 8 metros, ficando assim, visível de todos os pontos do estádio.

E quem estiver pelo estádio vai gravar na memória o final da apresentação, em que uma chuva de papel picado vai cair sobre todo o público, com a ajuda de oito canhões de confete.

A gente espera não ter estragado a emoção do show. E é claro que não estragamos, porque afinal, ver Sir. Paul McCartney no palco é pura emoção.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.