sex-pistols

Já se passaram mais de 35 anos desde a morte de Sid Vicious, baixista do Sex Pistols, em Nova York, e três décadas e meia após a sua overdose de heroína, o ex colega de banda Johnny Rotten falou sobre seu sentimento de culpa quanto ao caso.

Participando do festival de literatura de Cheltenham no último final de semana, o ex vocalista dos Pistols, que atende pelo nome de John Lydon, disse que sentia culpa pela morte de Sid:

Sid não sabia tocar um instrumento e eu não sabia cantar. Ele não tinha chance. Sua mãe era viciada em heroína. Eu me sinto mal por tê-lo trazido à banda, ele não conseguia lidar com aquilo de forma alguma. Eu me sinto um pouco responsável por sua morte. Pronto, confessei meus demônios.

Uma matéria completa sobre a declaração de Johnny pode ser encontrada aqui.

Fonte: Punknews

 
Compartilhar