lily-allen-beyonce

Lily Allen se apresentou na casa de shows G-A-Y, em Londres, e manteve a tradição que construiu em sua carreira ao se apresentar na casa: a de se vestir e “cantar” com playback músicas de diferentes artistas pop.

No último Sábado ela escolheu Beyoncé e além de se vestir com roupa e peruca, cantou e dançou ao som de “Drunk In Love”.

Como muita gente achou que ela estaria tirando sarro da cantora americana, Allen logo utilizou sua conta no Twitter para deixar claro que não era o caso:

Somente uma pessoa pode dizer quais são as minhas intenções e essa pessoa sou eu.

Toda vez que toco na GAY eu faço uma cover vestida com as roupas da cantora. Da primeira vez interpretei Dorothy, na última vez Britney e dessa vez a Rainha Bey. Por que as pessoas se precipitam com conclusões?

Eu não estava tirando sarro de Beyoncé, assim como não estava sacaneando ninguém em #SHEEZUS, isso é chato pra caralho.

 

Quando anunciou o nome de seu álbum, Sheezus, muita gente também falou que Lily Allen estaria tirando sarro de Yeezus, álbum do rapper Kanye West, quando na verdade a faixa título fala sobre ter vontade de ser “Sheezus”, ou o grande nome feminino da música.

https://www.youtube.com/watch?v=_s3hm03uO58

https://www.youtube.com/watch?v=–G4Hm7NRvA

I WANNA BE TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e Rock Alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!