Musicaholics #1: John Reis
 

O rock and roll nunca morrerá. Ele viverá.
– John Reis

Musicaholics #1: John Reis
(Foto por Gary Caldwell)

Um dos maiores erros de muitos amantes de rock é não conhecer John Reis sequer pelo seu nome.
Mas tudo bem, iniciando a seção Musicaholics (justamente no Dia do Trabalhador), o Tenho Mais Discos Que Amigos! perdoará aqueles que cometem esse “crime musical” e também abraçará os que já conhecem os trabalhos do artista, para juntos celebrarmos seus 44 anos de idade (ele fez aniversário dia 23 de Abril) e comprovarmos a importância de seu legado para o mundo da música.

Descendente de portugueses, o músico, cantor, guitarrista, DJ, produtor e fundador da Swami RecordsJohn Reis, nasceu em San Diego, Califórnia, em 1969, e desde cedo tem contribuído – e muito! – para a cena musical da região ficar ainda mais rica e invejável.

Aos 15 anos de idade, já em 1984, o artista tocava guitarra em uma banda de punk rock chamada Conservative Itch, sem imaginar, provavelmente, que ali era marcada apenas uma das diversas passagens por bandas nos próximos anos.

Além de seus maiores e influentes projetos – como Rocket from the Crypt e Drive Like Jehu – Reis também marcou passagem por grupos como Stacatto Reads, Custom Floor e Beehive and the Barracudas, além de ter produzido e gravado alguns nomes conhecidos, como Superchunk.

A seguir, você confere as 7 principais bandas de John Reis, um dos músicos mais prolíficos dos últimos tempos, cuja maneira de mesclar rock and roll, punk rock, rock alternativo, post-hardcore e post-punk tem servido de escola para muitos grupos como Foo Fighters e The Flatliners, direta ou indiretamente.

Senhoras e senhores… John Reis!