Dave Grohl e Krist Novoselic
 

Dave Grohl e Krist Novoselic

Para Dave Grohl as músicas do Nirvana têm muita importância para serem usadas em qualquer momento, à deriva. De acordo com entrevista para o Tchad Quartely o cantor, diretor  e ex-baterista da banda disse que ele e Krist Novoselic tomam muito cuidado com as músicas de sua antiga banda porque entendem o que elas representam.

Existe uma razão para você não ver uma música do Nirvana num comercial de chicletes por aí. Krist e eu fazemos o nosso melhor para tentar fazer com que esse tipo de coisa não aconteça. A banda ficou na memória por um motivo. Nós temos muito orgulho de manter nossa integridade e nossa banda. Nós entendemos o mundo em que vivemos e vimos o Nirvana se tornar o que é hoje. Mas nós realmente estamos tentando fazer o nosso melhor para manter a calma.

Sobre o  assédio para que tanto um quanto o outro façam performances usando músicas do Nirvana, Grohl é direto: Então Krist e eu continuamos tentando. Existe uma razão porque o Foo Fighters não toca músicas do Nirvana toda noite: é porque nós temos muito respeito por eles.  Você sabe, isso é um solo sagrado (o fato de tocar músicas do Nirvana). Nós temos que ter cuidado. É claro que já conversamos sobre isso algumas vezes, mas a oportunidade não chegou, ou ainda não apareceu nada que parecesse certo.  

Nirvana vive em cada um

A banda acabou há muitos anos, mas nós sempre lembramos deles por algum motivo. Se você tem Mais Insônia que Amigos, esteve com a gente acompanhando um show dos caras em Buenos Aires. Se você é muito fã da banda, provavelmente ficou surpreso com o anúncio de que Kurt Cobain teria saído da banda antes de morrer. E é claro que você também deve lembrar que o “Nevermind” é um dos memoráveis álbuns que foi gravado no também memorável “Sound City”