Todos sabemos que dia da mulher é todo dia, mas no dia de hoje comemoramos e lembramos das lutas que as mulheres tem que travar para serem aceitas em igualdade na sociedade. O que é completamente surreal se imaginarmos que estamos no Século XXI e que o mundo não teria andado muito se não fossem as mulheres.

Na música brasileira sempre tivemos grandes mulheres, de Dalva de Oliveira e Dolores Duran até Elis e Gal, passando por Rita Lee e Baby Consuelo. E hoje não é diferente. Por isso a TMDQA/MPB selecionou 4 talentos que talvez você não conheça e que vale muito a pena conhecer. Lembrando que falamos da Mariene de Castro, outro talento, na coluna anterior.

Pegue um fone e se prepare.

Clara Valente

Clara Valente

Cantora e compositora carioca Clara Valente acaba de lançar o EP “Mil coisas pra te encontrar”, disponível para download aqui, com uma mistura de ritmos curiosa. São duas faixas, um afrobeat explosivo (“Mil Coisas”) e uma ciranda nordestina (“Pra te encontrar”), ambas tratando do universo feminino com franqueza. Confira “Mil Coisas”.

Dona Onete

Dona Onete

Dama da música paraense, Dona Onete faz canções para dançar num dia de sol. E faz isso na terceira idade. Ela lançou seu primeiro disco, “Feitiço Caboclo” aos 73 anos. Com carimbó no talo, o disco é uma pérola da música brasileira, como os registros de Riachão e Roque Ferreira. Imperdível.

Márcia Castro

Márcia Castro

Uma intérprete fantástica, com um repertório que une clássicos e pérolas desconhecidas junto com obras de novos compositores, tudo com uma malícia e um bom humor deliciosos. Ano passado Márcia Castro lançou o belo disco “De pés no chão”, de onde destacamos a música-título, composta por Rita Lee.

Nana

nana

Descobri  o som dessa menina bonita na Musicoteca. Ananda Lima, a Nana, traz canções poéticas com elementos da música de diversos lugares do mundo. Ao mesmo tempo que sua voz é doce, suas letras podem ser mais ásperas. Confira “Expressionismo Alemão”.