blink-182: 20 anos em 20 momentos!

Lançamento do Cheshire Cat

No ano seguinte do lançamento de Buddha, 1994, o blink conseguiu um contrato com uma gravadora, a Cargo Records. Isso só foi possível pois a banda estava conseguindo esgotar ingressos nos shows do SOMA.

Com o contrato, o trio começou a gravar o primeiro álbum no Westbeach Studios, em Los Angeles, local onde NOFX, Face to Face e Bad Religion haviam gravados seus discos. Tom pode até ter usado os amplificadores de Brett Gurewitz, pois há semelhança em alguns sons gravados por DeLonge. Sem muito tempo para pensar duas vezes ou refazer algo, muitas músicas desse novo disco vieram da demo anterior.

Foram 16 músicas gravadas em apenas seis dias de gravação. As canções retratavam três adolescentes se divertindo com muita empolgação. Surgiu então o Cheshire Cat, nome do personagem favorito de Tom em Alice no País das Maravilhas.

blink - Cheshire Cat

Com o primeiro disco, a banda conseguiu divulgar seu som por toda a Califórnia e, aos poucos, começou a sair de seu estado natal. Tal repercussão fez com que o blink fosse encontrado por uma banda de mesmo nome da Irlanda. “Esse lixo de banda techno da Irlanda nos ligou e disse, ‘nós chamamos Blink e vocês terão de mudar seu nome’,” Mark Hoppus declarou em 2000. “Então, nós adicionamos o 182 por nenhum motivo. Não significa nada. Tom sempre inventa histórias sobre o que significa, mas vou acabar com a graça dele agora: não significa nada.”

A ascensão da banda continuou e Mike Halloran, da rádio 91X FM, foi a primeira pessoa a tocar blink-182 em uma rádio. A música foi M&M’s, que em seguida ganhou um videoclipe. Em um curto espaço de tempo, o trio conseguiu um empresário, Rick DeVoe, que permanece até hoje nessa posição.

Hoje, ainda é possível encontrar cópias de Cheshire Cat onde na capa está escrito simplesmente blink. Após o problema, a banda adicionou o 182 ainda nesse disco.

TMDQA! SPOTLIGHT: assine a Newsletter oficial e gratuita do TMDQA! agora mesmo

Lançamentos da semana, Charts, textos exclusivos e muito mais: assine agora mesmo clicando aqui ou inserindo seu e-mail na caixa abaixo.