Matt Sorum revela queo Velvet Revolver gravou um álbum inteiro com Corey Taylor

Matt Sorum, baterista do Velvet Revolver e ex-Guns n’ Roses, revelou em entrevista ao Lokaos que o grupo gravou um álbum inteiro com Corey Taylor, vocalista do Slipknot, mas que acredita que ele nunca será lançado.

Para quem não sabe ou não se lembra, a história é a seguinte: cansados dos vários problemas com o vocalista Scott Weiland (Stone Temple Pilots), os integrantes do Velvet Revolver expulsaram Weiland.

Tentando encontrar um substituto, Sorum sugeriu o nome de Taylor, mas após alguns “testes” – que agora sabemos que eram sessões de gravação – o guitarrista Slash não gostou da ideia de ter Corey como frontman do grupo.

A nova formação do quinteto gravou dez músicas, mas segundo o baterista, Slash não aprovou a mudança na formação. “Nós gostamos [de trabalhar com Corey]”, disse. “Nós tínhamos dez músicas. Poderíamos lançar um álbum inteiro amanhã, estão todas prontas. Eu disse ‘vamos lá’, mas Slash não estava curtindo. Se não estivermos todos sentindo o mesmo, não poderíamos [lançar o álbum]”.

O Velvet Revolver continua em hiato, ainda sem vocalista, e Corey Taylor segue à frente do Slipknot e do Stone Sour.