Trent Reznor

 

Trent Reznor, o homem por trás do Nine Inch Nails, desaconselhou os fãs a comprar a recém-lançada reedição do “Pretty Hate Machine”, álbum debut da banda originalmente lançado em 1989.

O músico afirmou por meio do twitter que o material nada mais é do que “um movimento interesseiro da indústria músical”.

No início do ano – perto da época em que ganhou o oscar pela trilha sonora de “A Rede Social” – Trent afirmou que o NIN não terminou, mas que no momento, ele estava mais focado em outros projetos.  Você pode saber mais sobre isso aqui.

 

   
 
Compartilhar