Morrissey com músicas escritas mas sem gravadora para novo álbum
 

Morrissey com músicas escritas mas sem gravadora para novo álbum

Após o “Years of Refusal”, de 2009, Morrissey pretende lançar um novo álbum. As músicas já estão até escritas, porém o músico ainda está sem gravadora para começar os trabalhos de gravação. O ex-Smiths respondeu algumas perguntas do Pitchfork falando sobre a sua situação atual.

“Não há muito o que eu possa fazer sobre isso. Uma vez que se tornou público que você não tem contrato com alguém, você assume que qualquer um que te queira vai vir e assinar com você”, disse o músico sobre esperar uma gravadora entrar em contato ou ir atrás de uma por conta própria.

O Pitchfork comentou que há bandas bem menores e menos notáveis assinando e consolidando algo e pergunta se há alguma razão para o músico estar tendo esses problemas. “Eu acho que boa parte dos selos querem assinar com bandas novas para serem vistas como as responsáveis pelo crescimento de determinada banda. Não há muitos selos que querem bandas que já têm a sua marca, pois seu sucesso já está atribuído a outro selo em algum ponto da história”, respondeu o inglês.

“Muitos artistas são lembrados pelos álbuns que mostram eles para o mundo, ou que fizeram com que eles tivesse sucesso. Por essa razão, a imprensa escreve apenas sobre mim em relação à história do Smiths, e o fato de eu ter tido três discos solos números um – ou mesmo 25 anos de carreira solo  – nunca é mencionada por ai. Estranho”, desabafou Morrissey.

Perguntado se o músico poderia lançar o novo álbum por conta própria assim como o Radiohead fez, ele respondeu: “Não. Eu não tenho necessidade alguma de inovar daquela maneira. Eu ainda estou no sonho de ter um álbum que venda bem não por conta do marketing, mas porque as pessoas gostam das músicas”.

Confira a entrevista completa aqui.

Morrissey no Glastonbury 2011

Deixando esse assunto de lado, lembramos que Morrissey se apresentou no Glastonbury no último final de semana. O inglês preencheu seu set com músicas próprias, novas e antigas, além de covers do The Smiths e Lou Reed, com a música “Satellite of Love”. As músicas de sua antiga banda foram “I Want the One I Can’t Have”, “Shoplifters of the World Unite”, “There Is a Light That Never Goes Out”, “Meat is Murder” e “This Charming Man”.

Sobre essas músicas, Mike Joyce, ex-baterista da famosa banda inglesa, postou em seu Twitter que gostou da apresentação de Morrissey mas não das versões do The Smiths.

Abaixo confira a música cover do Lou Reed e na sequência, o set completo de Morrissey no Glastonbury 2011.

   
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar