Mark Hoppus fala sobre adiamento da turnê do Blink-182

O TMDQA! falou sobre o assunto na semana passada. Além do anúncio oficial e do comentário pessoal no Facebook, Mark Hoppus falou com a Kerrang! sobre o adiamento da turnê europeia.

Em entrevista para a revista do Reino Unido, Mark deu mais detalhes do adiamento. Traduzida pelo Action182.com, o músico relatou que a banda decidiu “fazer isso porque o albúm ainda não está pronto. Conforme o tempo foi passando e a turnê foi ficando mais próxima, nós pensamos ‘Bem, devemos nos apressar e terminar o albúm?, [mas] nós queremos fazer um grande albúm’. Não houve tempo”.

Hoppus ainda disse que a banda quer “continuar a ser uma banda fundamental e continuar a criar coisas novas. Não queremos ser aquela que banda que se apoia nos sucessos anteriores e fica tocando sempre as mesmas músicas; queremos entrar em turnê com novas músicas”.

O baixista e vocalista do Blink-182 espera ainda que o cancelamento não cause uma reação negativa nos fãs que já tinham comprado os ingressos e reconheceu que a banda não devia ter marcado as datas sem a conclusão do álbum, porém com datas para uma turnê já marcadas, podia ser que isso fizesse com que o disco fosse concluído até lá, o que não aconteceu.

Sobre o disco, propriamente dito, Mark disse que o trio já tem sete músicas perto de serem finalizadas e mais cinco ou seis em vários estágios. Ele reafirmou que o lançamento será neste ano e voltou a tocar no assunto de que não estão trabalhando com um produtor. “Desde que Jerry Finn faleceu, nós estamos tentando encontrar uma forma de produzir o albúm nós mesmos. Está demorando um pouco mais, mas estamos fazendo um trabalho muito bom”.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar