In Flames versão Arcade
Foto: Divulgação

Após um ano do lançamento de seu décimo terceiro álbum, I, the Mask, a banda In Flames traz a releitura do disco recente em versão “arcade”.

Conhecido como chiptune ou 8-bit, o gênero é conhecido por produzir chips de som de antigos computadores e consoles de videogame. Com isso, modifica o metal denso de In Flames em melodias eletrônicas. Ao trazer a essência melódica da banda de forma mais nítida, a atual versão de I, the Mask torna-se mais divertida que a de estúdio.

O estilo diferente também evidencia os acordes melódicos da guitarra e as passagens vocais emblemática de Anders Fridén por meio de sintetizadores. Além do instrumental, o pacote completo veio “gamificado”: a capa também ganhou forma, com estrutura e gradiente de cor pixelizados.

Embora tenha sido algo incomum promovido pela banda, é esperado que nenhuma dessas releituras possa rolar ao vivo, mas provavelmente sejam usadas como intro dos shows. Vamos conferir como isso irá acontecer na turnê dos suecos! Se não for cancelada devido ao coronavírus, é claro.

Contudo, se você tiver uma noite ou fim de semana de jogos, vale a pena fazer do 8-bit de In Flames ser a trilha sonora ideal. Ouça abaixo: