Hangar 110
 

Boa notícia para os fãs do punk, emo e hardcore do Brasil!

A icônica casa de shows Hangar 110 anunciou em seu Instagram oficial que está retomando suas atividades. Depois de dois anos atuando apenas como produtora, os organizadores citaram que sentiram “muita falta do contato que sempre tivemos com as pessoas com quem convivemos nesse lugar” para justificar o retorno.

Afirmando ainda que estão “cientes das dificuldades” e abraçando os “desafios de se fazer cultura num país como o nosso”, Marco e Cilmara divulgaram que a partir do dia 1º de março, o número 110 da Rua Rodolfo Miranda, que vinha atendendo pelo nome de The House, voltará ao seu antigo nome.

Abaixo, você pode ver o comunicado oficial sobre o retorno.

Reabertura do Hangar 110 e Primeiro Show

View this post on Instagram

Estamos de volta! A partir do próximo dia 1º de março, o número 110 da Rua Rodolfo Miranda volta a abrigar o Hangar 110! Foram dois anos em que o Hangar atuou somente como uma produtora de eventos na The House e em outras casas de shows, mas nesse período sentimos muita falta do contato que sempre tivemos com as pessoas com quem convivemos nesse lugar : frequentadores, músicos, produtores e uma infinidade de amigos que fizemos ao longo de duas décadas. Além de ser o lugar que sempre amamos, o Hangar é também uma “idéia" e por isso lutamos muito para que essa idéia não se transformasse em um galpão vazio, um estacionamento ou uma igreja. O Hangar representa para nós, como para um universo enorme de pessoas, um lugar especial onde encontramos nossos amigos, bebemos cerveja e ouvimos boa música. Estamos cientes das dificuldades que virão, dos desafios de se fazer cultura num País como o nosso, porém não vemos outro futuro senão o de estar a frente novamente, arregaçar as mangas e seguir adiante. Marco e Cilmara #hangar110 #rock #punkrock #hardcore

A post shared by Hangar 110 (@hangar110) on

O Hangar 110 é uma das casas mais tradicionais de São Paulo e uma das mais importantes do Brasil.

O primeiro show realizado por lá foi do CPM22, uma das bandas reveladas pelo local que também abrigou shows internacionais como New York Dolls e No Fun at All. Lendas do punk brasileiro como Ratos de Porão e Cólera também tiveram passagens históricas pelo Hangar e bandas como o Dead Fish gravaram registros em vídeo por lá.

Pelo fato de revelar e apoiar tantos nomes da cena independente brasileira que se tornaram conhecidos do grande público, acabou até sendo sido comparado ao CBGB de Nova York.

Em 2017, a casa fechou as portas e passou a atuar apenas como produtora. Que esse novo capítulo traga bons frutos!

Em tempo, relembre a Noite TMDQA! na The House que contou com Menores Atos, Molho Negro, Black Pantera e Violet Soda em 2018.

O primeiro show da nova fase está marcado para o dia 01 de Março e terá as ótimas Pense, Gloria e Bad News Bad News.

   
 
Compartilhar