Trailer de Indústria Americana
 

Ontem à noite (09) aconteceu a cerimônia de entrega do principal prêmio do cinema mundial, o Oscar.

O Brasil estava concorrendo à estatueta de Melhor Documentário com Democracia em Vertigem, da diretora Petra Costa, mas não levou a premiação que acabou ficando com Indústria Americana.

O documentário vencedor foi produzido pela Higher Ground Productions, cujos donos são Barack Obama, ex-presidente dos EUA, e sua esposa, Michelle, em parceria com a Netflix.

A história gira em torno de uma fábrica de carros nos Estados Unidos que faliu e fez com que uma comunidade perdesse milhares de empregos no estado de Ohio.

Quando investidores chineses chegam para “resgatar” o local, as diferentes culturas ficam expostas e o modo de trabalho asiático se mistura ao norte-americano criando uma série de conflitos mas também mostrando como os trabalhadores passam a se conectar em suas diferenças e a se apoiar.

União dos Trabalhadores e Câncer “Fatal”

Ontem no Oscar, a diretora Julia Reichert aproveitou o discurso para falar sobre o filme e, antes, celebrar cada um dos documentaristas indicados dizendo que eles arriscam as vidas pela arte e para contar histórias.

Depois, falou que a classe trabalhadora está sofrendo com tempos cada vez mais difíceis e disse que acredita que as coisas irão melhorar quando “os trabalhadores do mundo se unirem”, citando o Manifesto Comunista de Karl Marx e Friedrich Engels.

 

Vale salientar que aos 73 anos de idade, Julia está passando por um tratamento de quimioterapia já que foi diagnosticada com câncer na bexiga e, inclusive, sabe que ele não tem cura:

Eu fui diagnosticada com câncer há cerca de um ano e meio, e eu lutei contra ele, e ele foi embora. Mas aí ele voltou em uma área pequena. Então eu tive que lutar de novo, o que nunca é uma boa notícia.

Na verdade é um câncer sem cura, é fatal, e eu tenho consciência disso. Ele mudou a minha perspectiva de vida de certo modo, sobre o que é importante. Mas ao final, estou cheia de esperança, ainda há muitas coisas que eu gostaria de tentar. Me dá um senso de querer concentrar a minha vida no que irá trazer mais alegria para mim e as pessoas ao meu redor.