Jeremiah Dickey
 

Uma tragédia envolvendo um rapper de apenas 19 anos causou polêmica no Facebook na última terça-feira (4).

Jeremiah Dickey, morador do Brooklyn, Nova York, estava fazendo uma live na plataforma e cantando “30”, de Blizzy Banks, quando foi atingido por um tiro na cabeça. A transmissão tinha apenas 30 segundos de duração quando o incidente aconteceu.

A polícia do Brooklyn atendeu a um chamado às 18h34 e, quando chegou à cena, encaminhou o jovem ao Brookdale Hospital Medical Center. Ele foi declarado morto por lá.

A live já foi removida do perfil de Dickey, e o Facebook deu uma declaração sobre o caso à CNN (via People):

Esse é um terrível incidente e nossos pensamentos estão com a vítima e seus entes queridos.

Quem também falou à publicação sobre o acontecimento foi a mãe de Jeremiah Dickey, Debra, que declarou:

Eu apenas sinto falta do meu filho. Eu não deveria estar aqui chorando enquanto os criminosos estão livres por aí.

Até agora, a polícia ainda não prendeu nenhum suspeito e também não sabe a motivação do crime. De acordo com testemunhas, o local não costuma ter acontecimentos do tipo.

Que descanse em paz!

LEIA TAMBÉM: Kanye West e Chance the Rapper fazem tributo a Kobe Bryant; assista

   
 
Compartilhar