Ignite
 

E a história de Zoli Téglás na lendária banda de hardcore Ignite tem data para chegar ao fim.

O músico deu uma declaração falando que após a atual turnê da banda não estará mais com os caras, e ainda explicou seus motivos, relacionados principalmente a outras atividades fora da música:

Gostaria de começar agradecendo todos os fãs do Ignite pelos últimos 25 anos. Eu quero agradecer todos aqueles que me deixaram entrar em suas vidas através das canções que cantei e das músicas que nós criamos. Tem sido uma honra e um privilégio tocar para todos vocês. Com o coração pesado eu anuncio minha saída do Ignite. Irei focar a maior parte do meu tempo para o resgate de animais e outras atividades musicais e cinematográficas. Eu vou me apresentar nos shows do Ignite já anunciados para a Califórnia em 2020.

Eu realmente espero que o Ignite continue gravando, excursionando e tocando com um novo vocalista e nova energia. Eu desejo tudo de melhor a eles. Obrigado por todo seu amor e apreciação durante todos os anos. Vejo vocês no pit.

Zoli.

Ignite

A banda de Orange County foi fundada em 1993 e em 2000 explodiu no mundo todo com seu terceiro disco, A Place Called Home.

Após dois outros vocalistas passarem rapidamente pelo grupo em seu início, Zoli substituiu Joe Nelson e Randy Johnson, nunca tendo deixado o grupo até agora.

Entre 2010 e 2012, ele também foi vocalista de outra banda icônica do hardcore, o Pennywise.

Norte-americano com ascendência húngara, Téglás trabalhou como dublê ao final dos Anos 90 e, inclusive, se machucou seriamente durante a gravação de um filme de Jackie Chan.

 
 
FonteThe PRP
Compartilhar