Ozzy Osbourne
Reprodução/YouTube
 

O cantor Ozzy Osbourne voltou a falar sobre o acidente que o deixou fora dos palcos por alguns meses. Em nova entrevista ele afirmou que achava que estava morrendo.

Caso você não saiba, logo no início do ano ele teve uma gripe que evoluiu para pneumonia e o deixou num estado crítico. E na sequência, um tombo dentro de casa complicou ainda mais a situação, porque deslocou alguns pinos que ele tem no corpo. Sua esposa, Sharon Osbourne, chegou a comentar o caso num programa de TV americano, como te mostramos aqui.

Agora, o vocalista do Black Sabbath revelou à NME os detalhes dessa noite e do processo de recuperação, que ainda está em andamento.

Segundo Ozzy, ao desequilibrar e cair no chão de seu banheiro, ele viu um flash branco e ficou paralisado, pedindo à sua esposa para chamar uma ambulância. Ele achava ter machucado o pescoço.

No decorrer do tempo, o músico de 70 anos descobriu que seu estado de saúde era pior do que realmente tinham lhe dito inicialmente. “Eu fiquei em agonia”, revelou, chegando a pensar que estava morrendo e questionando sua esposa sobre isso. A imprensa chegou a noticiar que ele não duraria até o natal.

Ozzy Osbourne chegou a cogitar uma doença terminal por causa da demora da recuperação e numa escala de 0 a 10 sobre a intensidade da dor que sentia, chegou a responder 55 para as enfermeiras que o acompanhavam. Foram seis meses acordando de manhã sem conseguir se mover. “Existência miserável”, definiu.

Ozzy Osbourne

O acidente fez com que Ozzy cancelasse toda sua turnê em 2019 e remarcasse as datas para o ano que vem, quando deve acontecer seu grande retorno.

A bonança depois da tempestade já começou com ele voltando ao Top 10 da Billboard depois de 30 anos por sua parceria com Post Malone na música “Take What You Want”, lá em Setembro. A canção foi eleita pelo próprio Ozzy como sua parceria preferida desde o Black Sabbath. Saiba mais aqui.

Aliás, foi o rapper o responsável pela volta do príncipe das trevas ao estúdio. Ao ser convidado para fazer parte da faixa do álbum Hollywood’s Bleeding, o cantor, que estava “escorado em sua própria tristeza por meses”, se animou e fez “seu melhor álbum” até aqui. A novidade chega ao mercado em Janeiro, como contou sua esposa.

   
 
Compartilhar