Martin Scorsese
Foto via Wikimedia Commons
 

Mais uma polêmica para a conta de Martin Scorsese.

Depois de esculachar os filmes da Marvel e de super-herói no geral — e ser esculachado de volta por isso –, agora o cineasta se irritou com uma pergunta sobre seus filmes.

Durante a coletiva de imprensa no Rome Film Festival, onde divulga O Irlandês, Scorsese foi questionado sobre a quantidade de atrizes em seus projetos. Visivelmente incomodado, ele respondeu (via CoS):

Não. Isso nem é válido. Isso não é válido. Eu não posso… Isso acontece desde 1970. Essa é uma pergunta que eu recebo há tantos anos. Eu deveria? Se a história não exige [uma mulher]… é uma perda de tempo para todos. Se a história pede uma personagem feminina, por que não?

Na mesma coletiva, a produtora Emma Tillinger Koskoff defendeu o cineasta. Ela atentou para o longa Alice Doesn’t Live Here, de 1974, com a atriz Ellen Burstyn, além de Age of Innocence (1993), com Winona Ryder. Quando ouviu isso, Martin disse que os repórteres “não contam” estes filmes.

Ele ainda continuou:

Claro, eu gostaria de fazer isso. Mas você sabe, eu tenho 76 anos agora. Como vou ter tempo? Não sei o que vai acontecer. Nós não sabemos. Eu não tenho mais tempo.

LEIA TAMBÉM: Filmes da Marvel faturaram mais do que todas as obras de Coppola e Scorsese juntas

 
 
Compartilhar