R. Kelly chorando kkkk
Foto: Reprodução/YouTube
 

Depois de pagar uma fiança no valor de U$100 mil (mais de R$400 mil) para o amigo R. Kelly, a americana Valencia Love pediu seu dinheiro de volta à corte.

Por Kelly ter sido preso de todo jeito, ela entende que deveria ser ressarcida. No entanto, isso aconteceu porque, quando ela pagou o valor, Kelly ainda não havia recebido todas as acusações com as quais teve de lidar.

Inicialmente eram “apenas” 10 acusações de crimes sexuais contra o cantor, mas hoje o número é quase incontável. Mais do que isso, algumas das acusações que vieram depois eram federais, fazendo com que o artista não tivesse direito a fiança.

Um juiz já determinou que ela não receberá o dinheiro de volta na terça-feira (17). Isso talvez seja uma boa notícia, já que, acredite se quiser, a mulher estava pedindo esse valor de volta para poder custear os outros custos do processo de Kelly.

Ela pergunta “por que é tão errado fazer um favor a um amigo?” e ainda diz que em nenhum momento apoiou um pedófilo, já que “ele ainda não foi condenado”.

R. Kelly e problemas na justiça

A polícia americana voltou a dar atenção ao caso após o lançamento do documentário Surviving R. Kelly, no final de 2018, que conta com diversas entrevistas de supostas vítimas do cantor. As polêmicas, entretanto, não são de hoje.

Ainda em 2002, um vídeo que mostrava o rapper tendo relações sexuais com uma menor de idade surgiu. Em 2008, entretanto, ele foi absolvido do crime. Pelo menos ao que parece, o músico foi preso em definitivo em Julho deste ano.

LEIA TAMBÉM: Filha de R. Kelly se pronuncia sobre denúncias contra o pai: “monstro”

     
 
Compartilhar