Jay-Z
Foto: Flickr/Rich Thane
 

Neste ano, o rapper Jay-Z anunciou uma parceria com a NFL (liga de futebol americano dos EUA) por meio de sua gravadora Roc Nation para virar “estrategista de entretenimento e shows” da liga.

Mas a parceria tem uma outra vertente que é tão interessante quanto — e definitivamente bem mais importante. O músico desenvolveu juntamente com a liga dois projetos para ajudar a iniciativa social Inspire Change.

Promovida pela NFL com o objetivo de angariar fundos para organizações comprometidas com empoderamento educacional e econômico, melhoria das relações entre polícias e comunidades e reforma da justiça criminal, a iniciativa irá receber uma linha de roupas exclusiva cujos lucros serão repassados às instituições.

Songs of the Season

A dupla anunciou ainda o programa Songs of the Season; também com lucros revertidos integralmente ao projeto social, a iniciativa procura destacar artistas, estrear canções durante transmissões da NFL e promover shows em eventos da liga.

A primeira edição já aconteceu em Chicago no dia 05 de Setembro — quando teve início oficialmente a temporada 2019/2020 — com shows de Meek MillMeghan Trainor Rapsody na NFL Kickoff Experience 2019, realizada gratuitamente no Grant Park (mesmo local do Lollapalooza Chicago).

Jay-Z e polêmica com a NFL

A parceria do rapper com a liga de futebol americano já gerou bastante polêmica. Isso porque Jay-Z já criticou a NFL pela forma como a liga lidou com o protesto de Colin Kaepernick contra o racismo — o jogador se ajoelhou durante a execução do hino nacional americano. Em 2017, o rapper teria até recusado se apresentar no intervalo por conta disso.

LEIA TAMBÉM: Jay-Z é o primeiro artista de hip hop a se tornar bilionário, diz revista