Barão Vermelho - Viva
 

Eles estão de volta! Uma das maiores e mais emblemáticas bandas na história do rock brasileiro lançou na última sexta (16) um novo álbum de inéditas. Estamos falando de VIVA, novo disco do Barão Vermelho.

Trata-se do primeiro álbum de composições novas com Rodrigo Suricato nos vocais, após suceder Frejat no posto de vocalista. O último disco de inéditas da banda foi o homônimo de 2004.

No ano passado, a banda lançou, também com Suricato, o álbum Barão Pra Sempre, trazendo novas versões de sucessos da banda, como “Puro Êxtase” e “Brasil“. VIVA, no entanto, representa a “prova de fogo” de Rodrigo como membro da banda, com liberdade enquanto compositor e intérprete.

 

Um Barão mais jovem

Na atual formação da banda, Suricato junta-se aos músicos Fernando Magalhães (guitarra), Maurício Barros (teclado) e Guto Goffi (bateria). A adição de Rodrigo indica um rejuvenescimento da banda, trazendo um contato maior com a nova geração de ouvintes. Aliás, muitos jovens hoje em dia talvez tenham mais contato com o folk rock de sua carreira solo do que com os clássicos do Barão.

O novo vocalista, por sinal, assina cinco das nove novas composições, sendo duas delas sozinho (a dobradinha “Um Dia Após o Outro” e “Vai Ser Melhor Assim“, que vêm juntas no disco). De acordo com o que foi dito em nossa entrevista exclusiva, Rodrigo está muito satisfeito com a relação com os outros membros da banda. Isso qualifica um ambiente de composições saudável e, ao que tudo indica, confiante na visão musical de Rodrigo.

Barão Vermelho
Fernando Magalhães, Guto Goffi, Rodrigo Suricato e Maurício Barros. Foto: Leo Aversa

Ainda falando sobre atualização, dois grandes nomes da atual música nacional têm participações no disco. Enquanto BK encaixa seus versos em meio ao blues da faixa de abertura “Eu Nunca Estou Só” (canção cujo clipe também foi divulgado na última sexta), Letrux faz dueto com Suricato ao longo da levada folk de “Pra Não Te Perder“.

Resumindo, VIVA traz a essência musical do Barão Vermelho, mas não ignora o fato de que o tempo passou e é preciso correr atrás das mudanças. A adição do talento de Suricato “refrescou” o grupo, atraindo um público mais jovem. Enquanto isso, canções como “Tudo por Nós 2” e “Por Onde Eu Vou” trazem à tona a sonoridade pop rock que consagrou o grupo. Vale citar também a bela “Castelos“, e o single prévio “A Solidão Te Engole Vivo“.