Leo Fressato no clipe de
Foto: Reprodução / YouTube
 

Fins de relacionamento são tristes. Mas essa tristeza também precisa dar lugar à alegria e à celebração. Tal visão está presente em Louco e Divertido, segundo álbum de estúdio do compositor brasiliense Leo Fressato, lançado no mês passado.

Nesses momentos, é preciso se reconectar consigo mesmo. Por sinal, essa redescoberta pessoal é a principal protagonista da faixa título do álbum. A proposta ficou ainda mais clara com seu videoclipe oficial, dirigido por Bernardo Rocha e Carol Winter.

“E por falar em canção, quando você vai ser canção de novo?”

No vídeo, vemos Leo deixando sua decepção abrir espaço para um processo de autoconhecimento. A metáfora da “reconexão” é traduzida através de interações do compositor com outras versões dele mesmo, como se fossem cópias. Ao longo do clipe, a companhia de si mesmo lhe proporciona ótimos momentos. Leo se diverte com “outros Leos” em uma piscina, em uma banheira e até mesmo em uma “festa”.

De acordo com o cantor, escrever sobre amor em uma época de caos acaba se tornando um ato político:

Em meio a um caos político e ideológico, me peguei diante da questão: ‘Por que escrever sobre amor num país onde acontece tanta atrocidade, preconceito, violência, tanto desmatamento, descaso, genocídio?’. Aí me dei conta de que, se meu corpo é político, minha canção de amor também é.

O nome de Leo Fressato está associado a algumas incríveis composições que conquistaram os brasileiros ao longo dos últimos anos, como “Coisa Linda”, de Tiago Iorc e “Oração”, d’A Banda Mais Bonita da Cidade. Como cantor solo, já lançou anteriormente o álbum Canções Para o Inverno Passar Depressa, em 2013.

Confira abaixo o clipe, com exclusividade do TMDQA!:

 
 
Compartilhar