simonal-filme
Divulgação
 

A vida de Wilson Simonal será contada nos cinemas a partir de 8 de Agosto em Simonal.

Mas, antes do lançamento, o público já pode conferir a trilha sonora do filme dirigido por Leonardo Domingues. A Universal Music disponibilizou a tracklist nas principais plataformas digitais e os fãs do saudoso cantor podem ter acesso às faixas presentes no longa através deste link.

As músicas interpretadas por Simonal foram compostas por outros grandes nomes da música brasileira, como Caetano Veloso, Carlos Lyra, Ronaldo Bôscoli e Carlos Imperial. A trilha sonora do filme é assinada por Simoninha e Max de Castro, filhos do falecido artista.

Fabrício Boliveira como Simonal

O desafio de encarnar Simonal nas telonas foi encarado por Fabrício Boliveira, que recentemente esteve no ar na novela global Segundo Sol. No elenco também está Isis Valverde, com quem Fabrício havia contracenado em Faroeste Caboclo, de 2013.

O roteiro mostra como a irreverência e extravagância levaram Simonal até o estrelato, aliado ao suingue de suas canções cheias de malemolência. Considerado o “Rei da Pilantragem”, no auge do sucesso o artista chegou a ganhar um programa de televisão só para ele.

O filme, que tem produção da Pontos de Fuga e coprodução da Globo Filmes junto com o Telecine, também discute a representatividade negra dentro da dramaturgia brasileira e não ignora o declínio de Simonal, depois da acusação de ter sido informante do Dops (Departamento de Ordem Política e Social), órgão de repressão durante a ditadura militar.

Confira abaixo a tracklist de Simonal:

  1. “Balanço Zona Sul” (Tito Madi)
  2. “Walk Right In” (Gus Cannon/ Hosea Woods)
  3. “Terezinha” (Carlos Imperial)
  4. “Lobo Bobo” (Carlos Lyra/ Ronaldo Bôscoli)
  5. “De Manhã” (Caetano Veloso)
  6. “Mamãe Passou Açúcar em Mim” (Bill César)
  7. “Vesti Azul” (Nonato Buzar)
  8. “Meu Limão, Meu Limoeiro” (Carlos Imperial/ José Carlos Burle)
  9. “Carango” (Carlos Imperial/ Nonato Buzar)
  10. “Nem Vem que não Tem” (Carlos Imperial)
  11. “Tributo a Martin Luther King” (Wilson Simonal/ Ronaldo Bôscoli)
  12. “Sá Marina” (Antônio Adolfo / Tibério Gaspar)