Corey Taylor em Unsainted, clipe do Slipknot
Foto: Reprodução/YouTube
 

Você consegue imaginar um Slipknot sem Corey Taylor? Bom, parece que ele consegue.

Em uma nova entrevista com a Metal Hammer, Taylor discutiu a possibilidade de um dia sair da banda e deixar outro vocalista assumir seu posto. A declaração veio ao ser questionado sobre a longevidade de grupo e o quanto ele demanda fisicamente dos membros.

Quero dizer, isso já passou pela minha cabeça ao longo dos anos. Tem ficado cada vez mais difícil fazer isso. Você fica pensando em quando vai ser o fim. Ninguém pensou que estaríamos fazer isso depois de 20 anos. Se eu não pudesse mais fazer isso, eu apenas pararia, mas isso não significa que a banda tenha que parar. Se eu não posso continuar, então alguém pode continuar no meu lugar. Eu já pensei nisso. Se a pessoa certa aparecer e os caras estiverem de acordo, então eu saio de cena. Não podemos desvalorizar ninguém.

Vale lembrar que o próprio Corey já é um vocalista “substituto” no Slipknot. O frontman original da banda é Anders Colsefni, que cantou com os caras entre 1995 e 1997. Durante um tempo curto, ele foi percussionista já com Taylor nos vocais.

O atual vocalista também falou sobre o que o Slipknot “antigo” acharia da banda hoje, mandando:

Eu acho que eles ficariam impressionados que ainda estamos fazendo isso. Eles olhariam para a gente agora e ficariam animados por mantermos isso vivo. Vital, áspero e insano.

Vale lembrar que a banda de Corey Taylor lança no dia 9 de Agosto seu novo disco, We Are Not Your Kind.

   
 
Compartilhar