O Tarot
Foto: Reprodução/Facebook
 

Os brasilienses da banda O Tarot trazem ao mundo o single  “Caravanero”.

Marcando uma nova era do grupo, que conta com Tom Suassuna como novo integrante, a canção também é a síntese da pesquisa musical e etno-cultural que a banda tem realizado desde sua fundação, misturando elementos do bolero e traços de tango com a música árabe, sem abdicar de sua identidade genuinamente brasileira.

A letra é trilíngue e apresenta uma história cantada em três partes: a primeira em português, a segunda em espanhol e o arremate em francês. A narrativa é colorida pelos timbres de acordeon, banjo, violão, violino, baixo, percussão árabe, bateria e bandolim percutido.

Com direção de Isabela Eichler e Thais Mallon, o clipe foi gravado ao vivo na Cervejaria Criolina, em Brasília, e o resultado ficou incrível:

Mandu

Mandu
Foto: Divulgação

Projeto solo de Anderson Almeida, intitulado Mandu, lança o clipe para “Me Julgue”.

Uma letra simples e uma sonoridade bem explorada foram o pacote pronto para delinear a canção. sem fugir da proposta, “Me Julgue” traz uma proposta objetiva, de criar belos arranjos com elementos que perpassam por uma atmosfera bastante agradável. O vídeo segue o mesmo esquema do single: também produzido pelo próprio artista, assim como a direção e o roteiro assinados por ele.

Confira o resultado abaixo:

Negev

negev
Foto: Divulgação

O rapper Negev disponibiliza sua mixtape de estreia intitulada ASSIMILE.

Em uma perspectiva extremamente intrínseca, o primeiro trabalho cheio do artista é um pequeno trajeto ao universo conturbado e inventivo de si. Perpassando entre o simples e o ácido nas 4 canções, os instrumentais foram assinados por Yan Casilli, André Nine e Nox, e as as mixagens ficaram por conta de Mestre Chapeleiro e Drendan Duffey. 

O mais especial de ASSIMILE é que todo o processo criativo foi feito em lugares fora do estúdio e do cotidiano, como no chão do metrô, o que demonstra uma certa peculiaridade envolvente. Ouça:

Monema

Monema
Foto: Fernanda Chemale

Mais um trabalho cheio estreando na coluna de Lançamentos Nacionais, e dessa vez é a banda Monema, com o disco Plano de fuga e outros planos.

Lançado pelo selo Albornoz Music, o quarteto de Porto Alegre traz, em sua identidade musical, referências enraizadas no rock nacional dos anos 80, mas também ecos do indie rock do final dos anos 90. Com elementos de percussão e letras bastantes objetivas, o disco por si só sintetiza temas que perpassam o banal e o sublime. Dentre eles, trazem à tona a intersecção entre o real e o imaginário, divagam sobre o imponderável e o amor, em suas formas mais subjetivas.

Ouça:

Diablo Angel

Diablo Angel
Foto: Divulgação

O grupo recifense Diablo Angel traz ao mundo o álbum Futuro.

Composto por 12 canções, o segundo disco da compositora e guitarrista Kira Aderne, junto a Tárcio Luna (guitarra) e Bruno Gomes (bateria), vai do desert rock ao shoegaze com maestria. Futuro dá início a uma nova fase da banda com letras inteiramente em português, que expõem motivações em comum do ser humano. O trabalho do disco também conta com o fotógrafo Breno César assinando a capa, e David Nat na direção de arte. Ouça o ótimo disco: