Lucas Silveira, da Fresno
 

A indústria da música não é fácil pra ninguém, e quem acha que os veteranos não sofrem com a forma como ela funciona, está enganado.

Pegue como exemplo Lucas Silveira, vocalista, guitarrista e principal compositores da banda gaúcha Fresno, que já está na estrada há um bom tempo.

Há alguns dias ele esteve em um evento da UBC e por lá falou a respeito do que acha da indústria musical, se emocionando em alguns momentos ao relembrar reuniões que fez e direcionar sua mensagem a novos artistas:

Vem com reuniões que os caras chegam assim, ‘tá preparado para o teu primeiro milhão?’ Inclusive eu continuo preparado. Essas reuniões, desse tipo… Continuo pronto pra ele. E… porque… é um… é um moedor de sonhos, assim. Eu vejo às vezes bandas novos e artistas novos com um brilho no olhar e vejo também como essa indústria é um moedor de sonhos e quando o cara não tem força ele é engolido.

Então eu acho muito importante trazer pro próprio artista novo (eu não sei porque to chorando, mas enfim), uma, cara, ‘desencana desse papo de vai dar certo, desencana desse papo de fórmula’. Faz a musiquinha. Faz. Grava de qualquer jeito, lança, tenha cara de pau. Na verdade é só arte. Só a música e mais nada.

Lucas terminou seu discurso emocionado e outros músicos também foram às lágrimas, como integrantes da banda curitibana Mulamba que podem ser vistas na plateia.

Novo Disco da Fresno

A banda de Lucas Silveira, Fresno, acabou de lançar um novo disco de estúdio chamado Sua Alegria Foi Cancelada”, com participações de Tuyo e Jade Baraldo.

   
 
Compartilhar