Deezer
 

A plataforma de streaming Deezer realizou uma pesquisa recentemente que mostra que as descobertas musicais estão completamente atreladas às mudanças em nossa vida.

Na pesquisa, realizada com mais de oito mil adultos no Brasil, França, Alemanha e EUA, foi constatado que o rompimento amoroso (a famosa sofrência) é o que mais move as pessoas na busca de novas músicas. 66% dos recém separados admitem que buscam novos artistas e músicas para ajudar a lidar com o coração partido, porém, no Brasil, essa estatística sobe para 70%.

Mas não é só de fossa que vive o ser humano, pois 25% dos entrevistados embala sua busca por músicas novas para reconstruir a confiança após o final de um relacionamento. E por mais cômico que pareça, 21% fingem conhecer e gostar de determinada música para agradar o outro no primeiro encontro. Quem nunca, né?

Mas não é só de amor que se vive a música, outras situações como a infelicidade e doenças movem 39% que acreditam no poder de novas faixas para melhorar naquele momento e 76% ouvem músicas para relaxar quando estão com os nervos à flor da pele.

Nos momentos felizes, como o início de um novo emprego, faz com que 32% recorra a novas descobertas. Quando estão com aquele espírito aventureiro, 46% buscam por novidades. Já outros 19% recorrem às novidades quando descobrem um novo hobby.

E aí, vocês também buscam por novidades quando estão passando por mudanças na vida?

   
 
Compartilhar