Woodstock 50 (2019)
Foto: Divulgação
 

A edição comemorativa dos 50 anos do primeiro Woodstock está se transformando em uma verdadeira novela.

Michael Lang, co-fundador do festival original, esteve organizando o Woodstock 50 e até mesmo um lineup completo chegou a ser revelado. No entanto, diversos dramas por trás das cenas surgiram quando a principal investidora do evento, Dentsu Aegis Network, disse ter desistido do financiamento e anunciou que o festival estaria cancelado.

Desde então, Lang negou a declaração e ainda processou a empresa por ter supostamente desviado mais de 17 milhões dos fundos do evento. Agora, o processo chegou ao fim através de um acordo e, como aponta a Pitchfork, Lang anunciou que o banco de investimentos Oppenheimer & Co será o novo financiador do projeto.

“Nós acreditamos no Woodstock como um importante ícone cultural americano e estamos ansiosos para a sua regeneração nos verdes campos de Watkins Glen em Agosto com todos os artistas do incrível lineup”, disse um representante da empresa em uma declaração oficial.

Nesse meio tempo, Lang disse estar trabalhando para conseguir as permissões necessárias para que o evento aconteça sem problemas.

E aí, será que esse festival vai acontecer?

     
 
Compartilhar