Drake
Foto via Wikimedia Commons
 

Há anos existe uma discussão sobre o Rock in Rio e o seu comprometimento, efetivamente, com o rock. Afinal de contas, muita coisa mudou desde sua primeira edição, em 1985. Além, é claro, do evidente crescimento da marca, o cenário musical em si apresentou muitas mudanças.

A edição de 2019, até agora, conta com nomes consagrados do rock como headliners. Bon Jovi, Iron Maiden e Muse encabeçarão, respectivamente, os dias 29 de Setembro, 4 de Outubro e 6 de Outubro. Enquanto isso, a estrela pop P!nk será a principal atração do dia 5 de Outubro.

Agora, um grande nome do hip-hop e do R&B entrou para fazer diferença na balança pop/rock: o canadense Drake. O cantor foi confirmado para apresentação no Palco Mundo no dia 27 de Setembro, o primeiro da próxima edição do Rock in Rio.

Com uma carreira já consagradíssima, muitas de suas músicas explodiram em rádios e paradas brasileiras. A exemplo disso, temos as recentes “Hotline Bling“, “One Dance“, “God’s Plan” e “In My Feelings“. Goste ou não, as músicas de Drake são bons chicletes, que contagiaram até o Zé Gotinha.

O rapper, atualmente um dos nomes de maior peso na indústria, aceitou vir para o festival para seu primeiro show em terras brasileiras. Será a estreia tanto dele quanto de P!nk no Brasil. Animado?

 

“Pop in Rio” blá blá blá

Os fãs mais conservadores da proposta do festival apontam críticas às escalações pop, como já aconteceu com nomes como Britney SpearsRihanna Beyoncé em edições anteriores. Mas as mudanças na indústria nos últimos 30 anos ficam cada vez mais evidentes e se fazem cada vez mais importantes para um festival de sucesso. A edição de 2017, por exemplo, contou com um fim de semana voltado completamente para o pop, estrelado por Justin Timberlake e pelo grupo Maroon 5.

No entanto, aparentemente a ideia deixou de ser dividir os gêneros em finais de semanas distintos. Se não fosse o caso, Bon Jovi e Drake não estariam escalados para o mesmo fim de semana. Ao que tudo indica, os públicos estarão mais misturados na edição de 2019.

 

O que ainda está faltando?

Muita coisa, na verdade.

Faltam mais dois headliners a serem anunciados: um para o dia 28 de Setembro e outro para o dia 3 de Outubro. No entanto, ainda faltam as atrações que vão preencher o line-up do Palco Mundo. Bon Jovi e Drake ainda estão sozinhos. Os artistas que dividirão palco com esses grandes nomes serão revelados em breve.

No mesmo dia do rapper, o Palco Sunset será encabeçado pelo show conjunto de Lulu Santos e Silva. Por sinal, o Sunset já está tomando forma também, tendo confirmado pelo menos os headliners para seis dois sete dias. O dia restante é o dia 3, único sem atrações reveladas ainda.

E aí? Satisfeito com a escalação de Drake para o festival? Alguma especulação sobre atrações que ainda não foram divulgadas para o público? Deixe sua opinião nos comentários!

Drake confirmado no Rock in Rio 2019 – 27 de setembro

Drake será o headliner da primeira noite de Rock in Rio 2019. Pela 1ª vez no Brasil, o músico multifacetado, ganhador de vários prêmios, sobe ao Palco Mundo, no dia 27 de setembro. Vem aí uma experiência que promete ser marcante na vida de todos que estiverem na Cidade do Rock.

Posted by Rock in Rio on Tuesday, February 5, 2019