Brian May no set de Bohemian Rhapsody
Foto: Reprodução / Instagram
 

Bohemian Rhapsody, o filme, é um dos mais bem sucedidos longas dos últimos anos no cinema.

“Bohemian Rhapsody”, a música, é uma das canções mais icônicas da história do Rock And Roll, e agora esses dois títulos se encontraram nas mãos de Brian May, guitarrista do Queen e um dos “pais” da épica canção.

Foi o próprio músico que usou a sua conta no Instagram para publicar um vídeo onde aparece tocando o solo de “Bohemian Rhapsody” no meio das gravações do filme, proporcionando um momento engraçado já que se apresenta ao lado do ator Gwilym Lee, que o interpreta quando mais jovem.

O vídeo veio acompanhado da mensagem abaixo:

Esse vídeo foi roubado de Bryan Jay Singer [diretor do filme], que obviamente estava o gravando no seu iPhone. Quando o elenco de BR estava gravando essa cena, por acaso eu estava lá, então Gwil me convidou para mandar ver! Como eu me saí, pessoal? Bem, obviamente não fui tão bom quanto o Gwil! Ele é um artista com treinamento. Nos divertimos demais! Eu gostaria de ver o resto do que aconteceu, capturado pelas câmeras cinematográficas que ainda estavam rodando… algum dia. Se você estiver se perguntando por que esse solo não soa como o solo ‘out-take’ do filme, eu só tive a ideia de fazer isso acontecer depois, quando estávamos arrumando a trilha sonora. De qualquer forma, não teríamos o que era necessário para fazer isso no dia das gravações. No filme você ouve um take diferente no solo de Bo Rhap que TALVEZ tenha sido aquele logo antes do último que acabou entrando no disco! Talvez! Isso se não tiver sido uma genial gravação de primeira! Ha Ha! Eu honestamente não me lembro! Um milhão de agradecimentos a Gwilym Lee

 

Bohemian Rhapsody

Como a gente falou por aqui, Bohemian Rhapsody rendeu algumas boas manchetes nos últimos dias, primeiro quando o atual vocalista do Queen, Adam Lambert, confirmou a sua participação no filme.

Depois, quando a Apple lançou um mini documentário mostrando os bastidores das gravações do filme.

View this post on Instagram

This clip is stolen from @bryanjaysinger, who was evidently filming it on his iPhone. When the BR team were shooting this scene, I happened to be around, so Gwil invited me to have a go ! How did I do, folks ? Well, obviously not quite as good as Gwil ! He’s a trained artist ! 😊 We had too much fun ! I’d like to see the rest of what happened, captured by the film cameras which were still rolling … some day. In case you’re wondering why this solo doesn’t sound like the ‘out-take’ solo in the film, I only had the idea to make that happen later, when we were polishing the soundtrack. In any case, we wouldn’t have had the facilities to do that on the day of the shoot. In the film, you hear a variant take on the Bo Rhap solo which just MIGHT have been the one previous to the final one which made it onto the record! Might ! That’s if it hadn’t been a genius first-take keeper. Ha ha ! I honestly don’t remember ! A million thanks to @mrgwilymlee Bri

A post shared by Brian Harold May (@brianmayforreal) on

   
 
Compartilhar