Kevin Fret
Foto: Reprodução/YouTube
 

O trap perdeu na última quinta-feira (10) Kevin Fret, assassinado aos 24 anos de idade.

O artista era o primeiro artista latino do meio a se assumir gay, e usava suas músicas para dar mais visibilidade à comunidade LGBTQ+.

Fret estava em sua moto às 5h30 (horário local) em Santurce, San Juan, em Porto Rico, quando foi baleado por um criminoso ainda não identificado. O músico chegou a ir ao hospital, mas faleceu.

Eduardo Rodriguez, assessor de Kevin, soltou um comunicado que diz:

Kevin era uma alma artística, um grande sonhador. Sua paixão era a música e ainda tinha muito o que fazer. Essa violência deve parar. Não há palavras que descrevam o sentimento que temos e a dor que nos leva a saber que uma pessoa com tantos sonhos se foi. Todos nós devemos nos unir nestes tempos difíceis e pedir muita paz ao nosso amado Porto Rico.

Que descanse em paz!

 
 
FonteBillboard
Compartilhar