Gretna Van Fleet
Foto: Brian McNamara / Detroit Free Press
 

O Greta Van Fleet é um dos nomes mais comentados do novo Rock And Roll hoje em dia.

Tanto a abordagem do grupo para o hard rock quanto a semelhança com o Led Zeppelin fizeram com que a banda fosse colocada em evidência no planeta todo e chegasse a ser chamada de “salvação do Rock” por muitos.

O que poucos sabem, porém, é que o nome da banda veio de uma senhora chamada Gretna Van Fleet, que trabalhou como gerente de escritório e também foi baterista.

Em 2012 o quarteto se encontrou com ela na cidade natal da banda, Frankenmuth, Michigan, e resolveu batizar o grupo com seu nome, tirando apenas o “n” para que a pronúncia ficasse mais fácil.

Aos 88 anos de idade, a senhora deu uma entrevista para o Detroit Free Press e disse que desde que a banda explodiu ela ficou tão famosa quanto eles, sendo parada praticamente todo dia para uma conversa ou uma foto.

Gretna ainda disse que sua música favorita da banda é a balada “Flower Power”, mas revelou que não é muito fã de Rock And Roll, dizendo:

Não é o meu tipo de música favorita e os garotos sabem disso. Mas eu acho que eles são muito talentosos e eu os apoio.

 

Greta Van Fleet

Sam Kiszka, baixista da banda, se lembrou de como tudo aconteceu:

Tínhamos o nosso primeiro show e era algo bem grande. Então ficamos pensando: ‘precisaremos de um nome.’ Estávamos tocando na garagem dia após dia e nunca havíamos parado para pensar em um.

Quando começamos a pensar, listamos vários nomes horríveis.

Ele ainda disse que tudo aconteceu quando o ex-baterista Kyle Hauck foi levado ao ensaio pelo seu avô:

O avô de Kyle disse, ‘Tudo bem, divirtam-se! Eu preciso ir cortar lenha para Gretna Van Fleet. Nos vemos quando o ensaio acabar.’ E foi isso – o cérebro de Josh [Kiszka, vocalista] começou a martelar. Ele falou tipo, ‘Isso dá um nome da banda!’

Todos concordaram mas escolheram tirar o “n” de “Gretna”, já que “as pessoas iriam entender o nome errado. Greta Van Fleet é mais fácil de sair naturalmente pela boca.”

 

Além de acharem que o nome era sonoro, os caras do Greta Van Fleet ainda descobriram que “Van Fleet” é uma variação Americanizada de “Van Vliet”, que significa “Da Água”:

É holandês, mas soa nórdico. Soa como algo clássico dos mares e é agradável. E uma coisa que sempre nos atraiu, desde que começamos a entender a literatura, diz respeito aos homens dos mares. De certa forma é o que sempre quisemos, e é meio o que estamos fazendo agora. Somos essencialmente nômades. Não somos guerreiros das águas, mas na maior parte do tempo somos guerreiros da terra.

Então há muito significado por trás do nome, muita coisa que nem planejávamos, mas é algo pelo qual eu agradeço.

 

Lollapalooza Brasil

Vale lembrar que o Greta Van Fleet vem ao festival Lollapalooza Brasil em 2019. Você pode garantir o seu ingresso por aqui.

LEIA TAMBÉM: Greta Van Fleet e o que significa ser a “Salvação do Rock” na era da Internet

   
 
FonteNME
Compartilhar