Fergie canta hino dos EUA na NBA
Foto: Reprodução / YouTube
 

Errar é humano! Que atire a primeira pedra quem nunca cometeu um equívoco na vida. No entanto, se você fizer uma performance ruim do hino nacional dos Estados Unidos em um dos principais eventos esportivos do país, aí as coisas mudam um pouco de forma.

A ex-Black Eyed Peas Fergie tentou arriscar ao cantar o hino dos Estados Unidos, incorporando uma abordagem mais inspirada na sensualidade do jazz. Mas a versão “inovadora” não foi bem engolida pela maioria. E isso inclui a equipe do Golden State Warrior, atual campeã da NBA.

Em um vídeo, enquanto comemoravam uma vitória, os jogadores dançaram um remix da peculiar versão alternativa cantada pela ex-BEP. A gravação, postada na conta oficial do atleta Stephen Curry no Instagram, gerou grande repercussão.

 

#FergieRemixChallenge

O ator Josh Duhamel, ex-marido de Fergie, provocou o jogador Draymond Green em uma entrevista, chamando-o de “idiota”, em defesa de sua ex-esposa.

Após a vitória conquistada pelo Warriors, no entanto, Duhamel usou o seu Twitter para parabenizar a vitória. Ele foi respondido pelo próprio Green, que disse que o objetivo não era desrespeitar a cantora. Ele usou a mesma publicação para incentivar um novo desafio.

Chamado de #FergieRemixChallenge, o desafio consiste em dançar ao som de um remix feito em cima da versão da cantora. Mais pessoas, dentre outros jogadores de basquete e até o repórter Kendis Gibson, já aderiram à brincadeira

E aí? Vai topar o desafio? Ou achou a situação toda uma falta de respeito com a cantora? Deixe sua opinião nos comentários!