(arte: Marcelo Ferraz)
 

A saída de integrantes importantes costuma ser o fim de uma banda. Mas não para um grupo formado apenas por “titãs”. Quem saiu se manteve entre os maiores da música brasileira; quem ficou continuou produzindo músicas lindas, fortes, políticas e poéticas.

Neste programa, passeamos pela discografia dos Titãs para entender o que inspirou tantos hits e letras que ficarão pra sempre no imaginário popular e na história do rock. Para isso, tivemos o auxílio de ninguém menos que Sérgio Britto, Branco Mello e Tony Bellotto.

Também tem promoção valendo DVD da banda e itens do TMDQA! Vá ao Facebook do Podcast para saber como participar.

Ouça o episódio no player abaixo ou procure por nós no Spotify, Apple Podcasts, Castbox e outros. Catálogo completo em tmd.qa/podcast. Para comentários, críticas e sugestões de temas, acesse facebook.com/podcasttmdqa.

Ficha técnica

Duração: 1h29’46”
Apresentação e edição: Rafael Teixeira 
Debatedores: Tony Aiex, Nathália Pandeló Corrêa e Renan Bernardi
Artes: Marcelo Ferraz e Henrique Codonho
Vinhetas: Natália André 

Links

Resenha de “Doze Flores Amarelas”
Ranking do pior ao melhor disco 
Precisamos falar sobre Titanomaquia 

Músicas

Titãs – Bichos Escrotos, Igreja, Go Back, Polícia, AA UU, Clitóris, O Pulso, Isso Para Mim É Perfume, Doze Flores Amarelas, Fardado, Réquiem, Será Que É Isso Que Eu Necessito, Flores, É Preciso Saber Viver, Epitáfio, Vossa Excelência, Isso, Homem Primata, Os Cegos do Castelo, Corações e Mentes e Sonífera Ilha

Tracey Chattaway – Nightsky