Taylor Swift em 2016
Foto de Taylor Swift via Shutterstock
 

O mundo do pop pegou fogo nos últimos dias após Taylor Swift se posicionar politicamente em público pela primeira vez, mas parece que o impacto foi além da internet.

Como aponta a Billboard, o post onde a cantora declara apoio aos candidatos democratas Phil Bredesen e Jim Cooper, que concorrem no Tennessee, pode ter sido responsável por um expressivo crescimento no número de jovens entre 18 e 29 anos que se registraram para votar.

Os dados são da organização Vote.org, que informou que 102 mil de um total de 240 mil registros foram feitos nas 48 horas que seguiram a postagem de Swift. O site, entretanto, não garante que a cantora tenha sido a única responsável pelo acontecido, já que o último dia para se registrar em alguns estados foi na última terça-feira (09).

Vale lembrar que Taylor Swift tem mais de 100 milhões de seguidores no Instagram, e que seu posicionamento político vem sendo aguardado há meses. A cantora já chegou a ser apontada como “diva” da extrema direita americana, com muitos questionando se ela também faria parte deste movimento.

O presidente Donald Trump comentou a publicação da cantora, que criticou a deputada federal Marsha Blackburn em seu texto, dizendo que ela “não sabe nada” sobre a deputada. Trump ainda revelou que passou a gostar “25% menos” das músicas de Swift.

 
 
Compartilhar