Lana Del Rey e Kanye West
Fotos: Wikipedia/Instagram
 

Depois de dizer que a escravidão foi uma escolha, Kanye West voltou a falar abobrinhas nas redes sociais. Usando o boné “Make America Great Again”, slogan da campanha do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o rapper soltou um discurso muito bizarro que falava, entre outras coisas, sobre abolir a décima terceira emenda à Constituição, sim, aquela que garantiu o fim da escravidão nos Estados Unidos.

Obviamente muita gente ficou revoltada com isso, e entre elas está Lana Del Rey, que fez questão de comentar na publicação de Kanye no Instagram dizendo que ele tem problemas sérios de narcisismo e que isso é uma coisa que ele e Trump têm em comum.

Confira na íntegra o comentário da cantora:

Trump ter virado o nosso presidente foi uma perda para o país, mas o seu apoio a ele é uma perda para a cultura.

Só posso supor que você se relaciona com a personalidade dele em algum nível. Mania de grandeza, problemas extremos com narcisismo – e isso não seria um ponto de discussão se não estivéssemos falando sobre o homem que comanda o país.

Se você acha certo apoiar um homem que acredita ser normal pegar uma mulher pela boceta só porque ele é famoso – então você precisa de uma intervenção tanto quanto ele – algo que muitos narcisistas nunca vão conseguir porque não existe ajuda o suficiente para esse problema.

Mensagem enviada com a preocupação de que nunca será recebida.