Bears Witness
Foto: Divulgação
 

O Bears Witness poderia ser só mais uma banda de Stoner Rock. Os elementos estão todos lá: as guitarras sujas, o baixo carregado de fuzz, um baterista com mão pesada que gosta de um tempo quebrado aqui-e-ali e riffs rápidos.

Eu disse poderia, porque o quarteto paulistano vai um pouco além disso e entrega no seu disco de estreia, Book of Bob (lançado na última sexta, 14 de Setembro) uma mistura frenética desses elementos do Stoner Rock com influências do Stoner, Sludge, Hardcore, vocais guturais e uma pitada de psicodelia experimental.

O resultado é um interessante trabalho que conta com 7 músicas e meia hora de duração, criado pelos músicos paulistanos Lucas Guanaes (Voz/Baixo), Fernando Giunti (Voz/Guitarra), Paulo Silveira (Guitarra) e Rodrigo Rousseaux (Bateria).

O disco, lançado via Abraxas Records, foi inspirado na história do “bebê-diabo” do ABC Paulista, que chocou os leitores do jornal local Notícias Populares durante os anos 70. Misturando referências ao cotidiano brasileiro, ocultismo e cultura popular, as músicas contam a trajetória de Beelze Bob, desde seu nascimento até sua batalha final contra o Zé do Caixão no Nordeste.

Os nossos destaques do disco ficam para as faixas “Mephistopolis”, o instrumental experimental de “Seal” e para o single “Harbinger”, que ganhou um clipe oficial no último dia 10 de Setembro. Assista ao fim da matéria.

Quem quiser conferir o trabalho do Bears Witness ao vivo pode chegar no Dissenso Studio em São Paulo no próximo sábado (22/09). A banda fará o show de lançamento do disco com a presença das bandas Dum Brothers Tranco. Mais informações no evento de Facebook do show.

 

 
 
Compartilhar