O ano de 2018 representa um marco histórico para uma das maiores bandas de rock da história dos país, Os Mutantes. O clássico primeiro álbum do grupo originalmente formado por Rita Lee, Arnaldo Baptista e Sérgio Dias, o homônimo-entre-aspas “Mutantes”, está completando 50 anos desde o seu lançamento, em 1968.

Para celebrar a data especial, a jornalista, pesquisadora, escritora e cantora Chris Fuscaldo irá lançar oficialmente o seu livro Discografia Mutante: Álbuns Que Revolucionaram a Música Brasileira em dois eventos de lançamento no mês de Agosto, um em São Paulo e o segundo no Rio de Janeiro.

No dia 25 de agosto, Chris estará presente na loja de discos Baratos Afins (localizada na tradicional Galeria do Rock no centro da capital paulistana) – e no Rio de Janeiro, em 31 do mesmo mês, no Sebo Baratos. Na edição carioca do evento, vai rolar simultaneamente o Clube do Vinil Mutantes comandado pelo DJ Mauricio Gouveia.

Além do livro, Chris Fuscaldo ainda irá fazer uma sessão de autógrafos para seu primeiro álbum autoral, Mundo Ficção, lançado em 2017 (ouça no fim da matéria).

Discografia Mutante

A publicação bilíngue que celebra a obra e o legado da banda paulistana ganhou vida graças à um projeto bem-sucedido de financiamento coletivo realizado através do Catarse, e tem como foco principal os discos produzidos por Arnaldo Baptista, Rita Lee e Sérgio Dias, sem esquecer das colaborações feitas por tantos outros artistas consagrados que participaram da formação dos Mutantes.

O livro ainda conta anedotas e histórias curiosas da biografia do grupo, como a da foto da capa do primeiro álbum da banda, em que Rita Lee posou envolta em uma toalha de mesa comprada por sua mãe em um bazar beneficente de uma igreja. Há também uma passagem sobre a participação de Jorge Ben: “Ele não só foi quem compôs ‘A Minha Menina’ como também foi o violonista na gravação e ainda cantou e imitou Chacrinha durante a gravação. É de Jorge a voz que antecede o solo de Sérgio Dias falando ‘Tosse! Todo mundo tossindo!’”, conta Chris no livro.

Para preparar esse livro, Chris Fuscaldo começou em 2002 a entrevistar pessoas que fizeram parte dessa história, ler outros livros sobre os Mutantes ou que os citam e capturar curiosidades em matérias de jornais e revistas.

Chris Fuscaldo

Chris Fuscaldo é formada em Jornalismo e em Letras e é Mestra em Literatura, Cultura e Contemporaneidade. Trabalhou nos jornais Extra e O Globo e colaborou para diversas revistas, entre elas a MTV e a Rolling Stone brasileira. Além de editar o blog Garota FM, produz textos para festivais, gravadoras, músicos independentes e para a revista e o site da UBC (União Brasileira dos Compositores). Em 2015, assinou a pesquisa do livro “Rock in Rio 30 Anos”. Em 2016, estreou como escritora com o “Discobiografia Legionária”. Em 2017, lançou-se como cantora e compositora no álbum “Mundo Ficção”. Em 2018, assina a autoria dos textos do livro “La Mole 60 anos: O Importante é Acreditar”, sobre a rede de restaurantes do Rio de Janeiro, e realiza o sonho de escrever sobre sua banda preferida, Mutantes.

Serviço:

São Paulo: Sábado 25/08, 15h às 18h, na Baratos Afins (Av. São João, 439 / 2º andar / loja 318, Centro).
Rio de Janeiro: Sexta-feira, 31/08, 19h às 22h, no Sebo Baratos (Rua Paulino Fernandes, 15, Botafogo).

Mais informações: http://chrisfuscaldo.com.br/discobiografia-mutante/

       
 
Compartilhar