Em texto para Lady Gaga, Kesha acusou Dr. Luke de ter estuprado Katy Perry

Documentos foram obtidos por site e mostram processo na Justiça

Kesha - novo clipe
Foto: YouTube/Reprodução
 

Há algum tempo a cantora Kesha entrou com um processo contra seu ex-colaborador musical e produtor, Dr. Luke.

Em 2014, ele processou a artista por ela não ter trabalhado em um álbum previsto em contrato, e como resposta foi processado por supostamente tê-la estuprado e abusado dela de forma psicológica.

A Variety teve acesso a documentos dos processos e neles há um trecho mostrando que Kesha enviou uma mensagem à cantora Lady Gaga dizendo que Luke teria estuprado Katy Perry.

O produtor trabalhou com Katy em vários de seus hits, como “I Kissed a Girl”, “Hot n Cold” e “California Gurls”, e nunca foi acusado publicamente por ela de qualquer tipo de abuso.

Lady Gaga demonstrou seu apoio a Kesha durante o processo, mas seus representantes, assim como os de Katy Perry, não responderam à publicação da Variety.

O representante de Kesha disse que o seu advogado se recusou a comentar e a equipe legal de Dr. Luke foi a única que se manifestou:

Katy Perry mesmo confirmou que Dr. Luke não a estuprou. A acusação de Kesha dizendo o contrário – assim como todas as outras mentiras terríveis sobre Dr. Luke – não tem fundamento e é irresponsável, além de desrespeitosa com Katy Perry e Dr. Luke. No processo dele de difamação contra Kesha, Dr. Luke procura seus direitos pelo mal causado por essas mentiras.

O documento obtido da Justiça pode ser visto por aqui.

 
Compartilhar

Comentários