Foto: Reprodução/Instagram
 

Não, essa não é uma notícia do Sensacionalista ou do The Hard Times. Sim, um fã muito bêbado realmente tentou voltar para um show do Anthrax nadando.

O incidente aconteceu durante a passagem da banda em conjunto com o Slayer em Toronto, no Canadá. Um homem chamado Chris LaRocque foi expulso durante o ato de abertura por, supostamente, ter ficado “louco demais” na plateia. Alguns relatos dão conta até de que o cara tentou moshar com os seguranças do local.

Pois bem, LaRocque não aceitou seu destino e decidiu usar os lagos que permeiam o Budweiser Stage para nadar seu caminho de volta. E quem divulgou essa história foi o próprio frontman do Anthrax, Scott Ian, no Instagram, com fotos que ele tirou do momento.

O plano do cara não funcionou e os seguranças o expulsaram novamente — injusto, no mínimo, depois de tanto esforço. Em entrevista ao Exclaim, Chris declarou:

Eu estava um pouco alterado, mas não podre de bêbado ou algo assim, mas estava me sentindo bem. […] Fiquei preocupado em colocar minhas partes na água e congelar. Eu não estava nadando rápido. Tentei não ser percebido. Estava usando meu boné de camuflagem, então pensei que fosse ajudar.

Quem também achou que o cara merecia outra chance foi o guitarrista do Slayer, Gary Holt, que disse até ter tentando convencer a segurança a deixar LaRocque entrar novamente.

De acordo com a Consequence of Sound, Chris ganhou ingressos para ver as bandas em Londres. Merecido, vai.

 
 
Compartilhar