Radio Front mergulha no rock noventista e lança clipe sombrio de “Cut My Wings”

Banda carioca lança primeiro single da carreira com lyric video em animação

 

A banda carioca Radio Front antecipa o clima do seu disco de estreia, Into The Rain, com o lançamento do single e lyric video “Cut My Wings”.

Com temática e sonoridade pesadas, a canção evoca a raiva presente no rock noventista. Feito com animações, o vídeo traz influência dos traços do cartunista Mike Mignola (criador do Hellboy e grande nomedos quadrinhos da década que a sonoridade evoca) e o single teve o dedo de Chris Hanzsek (The Melvins, Soundgarden, Far From Alaska), que masterizou o trabalho em Seattle (EUA). 

“A música surgiu a partir de uma frustração em relação a diversas religiões, e o não entendimento de seus preconceitos pregados. A letra surgiu formatada em um sonho onde encontrei um deus de pedra que me citava a Bíblia chorando. Durante uma semana fiquei fazendo a letra me baseando na cena que havia sonhado, e no que pesquisava de passagens em religiões e suas simbologias. Ela é considerada a música de estilo mais pesado do disco Into The Rain”, analisa Felipe Nova, vocalista da Radio Front.

A Radio Front é Felipe Nova (voz), Victor Larcher (guitarra), Bruno Moreira (guitarra), Marcelo Moreira (baixo) e Leonardo Bourseau (bateria). O single “Cut My Wings” foi produzido e mixado pela produtora Musark, e contou com a engenharia de som de Luiz Freitag e Jon Marques. A faixa foi gravada nos estúdio AM e Musark.

Enquanto a canção foi um trabalho conjunto, o lyric video contou com a ilustração do próprio Felipe, que lembra como se deu o processo de aprendizado e criação:

A minha influência principal foi de Mike Mignola, mas como não tinha habilidades o suficiente, coloquei em formato de sketch e fiz o projeto do zero em uma mesa digitalizadora. Como parte da música foi escrita em formato de narração, facilitou inserir passagens da Bíblia e Mahabharata – clássico épico indiano – que incitam a homofobia, machismo, escravidão, entre outros preconceitos. Durante este processo de ilustração, tive ajuda de Gregório Medeiros.

Confira “Cut my Wings”:

Comentários